segunda-feira, 16 de outubro de 2006

Hey! Sua mãe não te deu educação não?

Sim, claro que ela deu... e depois a "tia" da escola reforçou vários conceitos.Por que então as pessoas se recusam a usar a boa educação? Por que a grande maioria dos mortais não consegue dizer um Bom dia/boa tarde ao entrar no elevador, ou ao se encontrar no meio de um corredor?
Por que as pessoas são tão mal educadas no trânsito, fechando os carros ou não dando passagem?
Por que as pessoas não dão o lugar para os idosos ou gestantes nos coletivos, quando as cadeiras próprias já estão ocupadas?
Por que as pessoas não ouvem os dois lados da história antes de tomar decisões?
Acho que se sua mãe visse quando você é mal criado e mal educado, ela iria ficar bem chateada... pense nisso ao entrar no elevador na próxima vez e cumprimente a todos. De preferência com um sorriso SINCERO no rosto.Você verá como pequenas atitudes de bom tom tornam seu dia muito melhor: mais produtivo, mais alegre. E como essas pequenas atitudes transformarão a sua vida.
Experimente... o resultado vai ser surpreendente!



Um ótimo dia para todos vocês!

Bjks,

13 comentários:

Anónimo disse...

Aprendemos coisas básicas, quando pequenos, mas desaprendemos por comodidade.
Concordo contigo, Má!
A melhor palavra que existe é IMPATIA!

Lídia disse...

disse tudo Márcia.
ser educado faz muito bem para nós e para os que estão ao nosso redor.

a superlativa disse...

Boa Tarde! :D
vc está coberta de razão...
o problema é que as pessoas acham que o mundo gira em torno delas...
é falta de usar a educação que a mãe e a "tia da escola" deram mesmo... rs
bjus!

Ivan disse...

Olá, meninas.

Estou aqui para dizer que estou de volta ao mundo dos blogs. E, para dizer que vou ler os anteriores que perdi, né!

Carol Maria disse...

Verdade pura, Marcita. A boa educação é artigo muito raro hoje em dia (Até hoje, 2 meses depois estou me acostumando ainda à gentileza plena do meu Henrique, rs). Eu faço tudo que está aí e me sinto tão, mas tão bem tomar atitudes tão pequenas mas significativas. Ainda acredito que a gentileza e boa educação sejam contagiosas (bem como a estupidez e má educação também), por isso depende de cadaum de nós mudar as atitudes alheias, basta tomar o primeiro passo e ser gentil. :*cas, boa semana pra você também, beijão para todos.

Aninha disse...

Hehe... Taí, nossa mãezona lembrando-nos de fazer o melhor e mais direitinho possível! Tá certa, Marcitcha, tá certa.

Marceleca® disse...

É... benvinda ao meu mundo!!! Convivo com essa falta de educação das pessoas diariamente!!! Você n~so sabe o que é atender ao telefone com um "bom dia" e ouvir um "só se for p/ vc..."

Né não?

k. disse...

Hum...quem é que foi mal educado contigo?pode contar.risos.

Renata disse...

Porque um pouquinho de educação não faz mal a ninguém, não é?
Bjos!

Ggel disse...

Ás vezes eu dou bom dia, mas geralmente dou um sorriso...que na maioria das vezes é correspondido, principalmente pelas crianças...a parte ainda educada da humanidade.
beijo

disse...

Márcia,

Creio que muitas pessoas não conhecem o bem que faz um sorriso, um bom dia... confesso que nos últimos meses tenho sorrido pouco e culpado o mundo por toda dor que sinto... mas sei que isso é passageiro, pq assim como gosto de receber um feliz bom dia, também gosto de proporcionar!

Saudades de ler vocês, meninas lindas!

Voltei a blogar, depois de um tempo complicado pra mim! Aguardo vocês por lá!

7 Beijos Karinhosos, (ou seriam 8?rs)

Visão disse...

Oi Má, entendo isto como falta de amor nas próprias vidas, qdo temos muito amor, não nos importamos de compartilhar nem que seja nos pequenos gestos... beijos para ti.

Shu disse...

Eh verdade Marcitcha...vou aproveitar pra contar uma estoria de um cara que ia no escritorio recolher as caixas da Fedex que mandamos quase todos os dias pra Milao. Ele sempre ia emburrado...catava as caixas e ia embora...ai eu comecei a dizer "Hi" e "Thank you" quando ele ia embora...ai comecei a deixar uma travessinha com balinhas e chocolates pra ele e pros motoboys..:)
Hoje sou como a "madrinha" dos Motoboys e Fedexboy kkkkkkkkkkkkk
kkkkkkkk.