sábado, 21 de fevereiro de 2009

Não desista de quem você ama.




Uma vez a Pri, uma das minhas queridas irmãs aqui do 7x7 disse que eu sou uma Fênix. E ela disse isso num momento em que nem eu acreditava em mim. Os mais chegados sabem que no ano passado passei por problemas emocionais que quase me levaram à morte. Sem exageros, eu a desejei como um perdido no deserto deseja água. Graças a Deus meu pedido não foi atendido e cá estou eu, como na previsão da minha irmã: renascida das cinzas.
Não convém ficar falando os motivos que me levaram aquele estado e sim o fato de que quem me ama de verdade em nem um momento me abandonou.
Por isso esse post é a forma mais simples que encontrei de dizer OBRIGADA a esses queridos que não desistiram de mim.
Mamãe e suas incansáveis orações, assim como todas as irmãs da sua igreja com extensas campanhas em meu favor. Ao meu filho, com seu amor incondicional e gratuíto. Ao Renato, pai do meu filho, que por várias vezes me fez companhia em momentos onde eu era um perigo para mim mesma. Às meninas do 7x7, todas elas, que debateram sobre minha saúde, discretamente, buscando soluções, não aceitando a condição de expectadoras. Às minhas supervisoras da empresa onde trabalho, que me enxergaram com humanidade e compreenderam meu momento difícil. À Ruth Lubas, amiga que Deus colocou na minha vida, no meu trabalho e no meu bairro, que disse uma das coisas mais emocionantes que ouvi (uns meses antes ela passou por uma separação difícil): que Deus permitiu que ela passasse por isso para que ela pudesse me ajudar mais pra frente quando chegasse a minha vez de enfrentar a mesma coisa. Sem contar as inúmeras vezes que pedia para eu acompanhá-la em almoços e jantares quando no fundo queria mesmo era que eu comesse. Ao anjo que entrou e está na minha vida, sabidamente de passagem, mas que está me mostrando que eu não preciso me contentar com nada menos do que ele está oferecendo: muito carinho, atenção, respeito, proteção, cuidados, prazer... Você é meu presente, está me ajudando a reaprender a andar, a sair do casulo. Quando acabar sua missão em Campo Grande, deixará um linda borboleta preparada para vôos autônomos. E que venham os jardins!!!
Queridos, que a vida de vocês seja iluminada, que tenham muita paz, muita saúde e sabedoria.
A quem está lendo: não desista de um amigo em depressão. Se eles tivessem desistido de mim, eu não estaria mais aqui.
Amo vocês.

10 comentários:

Sissi disse...

Que post bonito. Com relatos como o seu penso que pode haver luz no túnel, antes que seja o fim. Beijo.

Tati Buratti disse...

Bom saber que vc está bem e saindo iluminada disso tudo, Katia! Parabéns e muita força em todos os momentos! :) Beijos!

Natália disse...

Poxa, Katia, eu não sabia que você tinha passada por tudo isso. É realmente uma barra. Só quem tem algum parente ou amigo que passa por isso sabe como é complicado.
Muito bonito, especial e importante esse seu relato.
Que bom que agora tudo está bem!

Um beijo

Pri disse...

É isso aí, Fênix!!!!
Voe, com esse brilho que é só seu, e vá em busca do que você deseja e merece!!!!
Bjs!

Tatiana disse...

Ola, sempre leio o blog mais nunca comento. Mas dessa vez não podia deixar de comentar um texto que me emocionou tanto, pelo fato de ter passado pela mesma situação... As pessoas não fazem ideia de como a nossa cabeça fica e o quanto desejamos morrer para que tudo aquilo acabe...Mais Deus em sua infinita sabedoria coloca em nossas vidas pessoas que nos ajudam...E graças a essas pessoas posso dizer que estou aqui hoje, vivendo e querendo viver cada vez mais, e como eu li no texto você também! Parabéns pela sua vitoria! E eu sei que é uma grande vitoria...

Magui disse...

Ainda bem que seus amigos te amam.Isso não tem preço.

Marcia disse...

Katita linda! Bom ler tudo isso.
Você bem sabe como é amada :-)
Bjks com muito carinho,

Carol Maria disse...

Katita, como Marcita diz aqui em cima: você bem sabe como é amada, porque se tanta gente lutou por você quando você mesma não queria lutar, é porque você, estando bem ou mal, é amada, é necessária em nossas vidas e muito sofrimento tua ausência causaria. Então, obrigada a você por haver nos escutado e por ter escolhido lutar ao nosso lado, para que continuemos juntos, firmes, como amigos, família, dê o nome que quiser, mas isso é amor mêmo, flor, não tem outra explicação para que tanta gente tenha "brigado" para que você continuasse a trilhar nossos caminhos juntos. Adoro'cê! :*cas
P.S.: Continue firme no arrêio, hein?!

geny_tavares disse...

Jamais passou por nossas cabeças desistir Katita...ainda bem que tudo passou, acabou e você está bem mais forte do que antes...isso mesmo Fêniz...renascida, poderosa, loira, linda e muito, muito amada.
beijão

lioness disse...

Espero que não desistam de mim como não desistiram de você. Bjs.