segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

A Real Beleza




Quem se lembra da Campanha Dove para a Real Beleza? É uma campanha que teve a ótima sacada de mostrar que a Real beleza é aquela em que a pessoa é feliz com ela mesma, independente do padrão estético que é tão difundido atualmente pelo mundo afora através das mídias: o de mulheres altas, magérrimas, de cabelos, pele e makeup impecáveis.
Quem não se enquadra neste padrão com certeza já se sentiu mal em algum momento. Eu me considero (hoje) uma pessoa bem resolvida com relação ao meu cabelo, meu peso... Sou saudável e feliz :)Mas já fui muito encanada, e cometi loucuras com meu corpo em nome dessa obsessão por ser magra, tomando aquelas formulinhas de anfetamina que quase te deixam maluca, querendo ter cabelos lisos a todo custo...
É claro que tem horas que quero caber naquela roupa linda que vi na vitrine de uma loja, olhar para o espelho e ver o meu cabelo bem arrumado,como num passe de mágica. Mas percebi que posso e (devo!) ser feliz ser assim, como sou: a Priscila real, que adora comer, e é feliz se esbaldando com uma refeição deliciosa... Gordinha, sexy, inteligente e bem resolvida, porque eu sou uma mulher de verdade e EU ME AMO!

5 comentários:

Nati disse...

Eu lembro bem dessa campanha. Foi realmente uma sacada daquelas que só acontecem uma vez a cada 10 anos.
Hoje eu ando pensando como você. Não consigo passar hoooras no salão, mesmo porque eu detesto salão, pra sair de lá igualzinho todo mundo.

Marcia disse...

Oi Pri-linda :-)
Menina, isso é muito bom, estar bem e feliz consigo mesmo.
Confesso que esses ultimos dias tem sido dificeis prá mim, pois quero voltar a ser magra como era... quando ao cabelo, não encano... cada hora quero tê-lo de uma forma... mas as gorduras...

Bjks com carinhos e com saudades,

Carol Maria disse...

Ah, eu nunca fui assim, rs, moooorro de preguiça de dieta, mooorro de tédio de academia com música ruim e gente de cabeça oca, moooooorro de nojo de usar aparelhos suados que outras pessoas usaram e moooooorro de pavor de salão de beleza com milhões de mulheres fofocando ao mesmo tempor. Sou mais cuidadosa que vaidosa, me preocupo muito mais se o que eu como me fará bem ou mal (não bebo coca, não bebo álcool, não fumo, não como mcdonalds etc), prefiro andar a pé a andar de carro ou ônibus porque tenho histórico de infartos na família então, já que não malho,rs, pelo menos fortaleço o coração e os ossos andando a pé pra cima e pra baixo (além de poluir menos, né?), uso meu cabelo ao natural, cacheado, só uso roupa que me deixe confortável e sapatos que garantamque terei joelhos sadios daqui 30 anos. Adorei o post Pri!

Raquel El-Bachá disse...

Eu comecei a perceber que a beleza real independe de seguir padrões impostos pela mídia há pouco tempo.
Sempre briguei com a balança e sempre quis ter cabelos lisos porque achava que os homens só olhavam para as mulheres magrinhas e de cabelos lisos.
Bem...a briga com a balança continua, mas é pelo meu bem-estar. Resolvi também parar de fazer escova definitiva e deixar meus cachinhos naturais. Estou muito bem assim.

geny_tavares disse...

Isso mesmo querida, se ame, independente de como é ou como será. Não importa...você é linda...eu sou linda...somos todas lindas, sem demagogia.
beijão