sábado, 18 de outubro de 2008

Guerreiro


Eu que ando chorando até em comercial de margarina, recebi hoje essa mensagem de autor desconhecido e me identifiquei. Quero compartilhar, mesmo porque ando com vergonha de estar tão sumida daqui.
Prometo voltar em breve com um texto meu. Beijos

Todo guerreiro já ficou com medo de entrar em combate.
Todo guerreiro já perdeu a fé no futuro.
Todo guerreiro já trilhou um caminho que não era o dele.
Todo guerreiro já sofreu por bobagens.
Todo guerreiro já achou que não era guerreiro.
Todo guerreiro já falhou em suas obrigações.
Todo guerreiro já disse "SIM" quando queria dizer "NAO".
Todo guerreiro já feriu alguém que simplesmente amava.

Por isso é um guerreiro; porque passou por estes desafios, e não perdeu a esperança de ser melhor do que era."

6 comentários:

Juliana disse...

Olá Kátia!
Acho que sou uma guerreira, por mais que também esteja chorando até por comercial de margarina!!!

Abraços!

Sissi disse...

Olha, gostei do texto, só não gostei da parte que diz que todo guerreiro já feriu alguém que simplesmente amava. Na hora me voltou o caso do sequestro e me deu um aperto de pensar que ele justificou tudo isso dizendo que era por amor...

Carol Maria disse...

É triste, mas há aqueles que ferem sem querer, mas eu também sempre acredito no cuidado e na cautela para não ferir quem amamos. Mas o texto é bonito mesmo Katita. Fica firme no arreio aí! rs :*cas

Nana disse...

Lindo post. Bjs e fique com Deus.

Aninha disse...

Bom te ver aqui, querida. É como esses dias também ouvi na tv, sobre os esportistas. Eles têm muito mais derrotas do que vitórias, para chegarem ao destaque. Mas é por isso que estão lá. Porque prosseguiram, apesar das derrotas. É como o guerreiro. E a guerreira.

Renata disse...

Katita, linda! Que bom te ver por aqui e ainda mais nos trazendo texto tão siginificativo. Também tenho passado uns perrengues no trabalho, que só me sentindo uma guerreira mesmo pra poder superar. Força sempre!

Bjs!