domingo, 19 de agosto de 2007



Eventos de moda estão acontecendo acredito que por diversos lugares do país, nesse momento de final de estação. E, quem foi criada em meio a paninhos e ao som da máquina de costura, como eu, não tem como não ficar ao menos “curiosa” com o que vem por aí.
Antes, cabe esclarecer que eu não entendo nada de moda, bem como não pretendo me aperfeiçoar no ramo. E não, eu não me visto de acordo com a moda dita (até porque não ganho pra trocar meu guarda-roupa a cada estação). Mas eu procuro, sim, dentre opções que surgem (ou, como melhor se encaixa atualmente: “ressurgem”), alguns detalhes que possam me beneficiar (leia-se, beneficiar a um corpo baixinho, barrigudinho e bundudinho) e dar uma inovada no look.
Agora, de uns tempos pra cá, tem me assustado o fato de pouco perceber novidades. Pior, ver “desenterrados” os estilos da década de 80, com toda sua cor, larguras em cima e apialações embaixo, como se a criatividade tivesse sumido do mundo da moda.
Ao olhar catálogos, propagandas em revistas, desfiles na TV, percebo as antigas “fusôs” com blusões largos, novamente; porém, agora aquelas calças são denominadas “leggings” e não vem mais com uma alcinha embaixo dos pés. Reencontro as “polainas”. Esbarro com as malditas balonês (sim, para quem tem bunda de formiga, elas são malditas!). Ou, pior, com aquelas blusas longelíneas agarradinhas ao quadril (quando não, ainda, franzidinhas na lateral...).
Passeando num magazine conhecido, sapatos e mais sapatos tipo vinil. Folheando o jornal de domingo do estado, leio que o fluorescente está de volta.
Se ainda servisse e eu tivesse as roupas do meu guarda-roupa de nove anos de idade, estaria “na moda”!!! É... Se eu deixar de doar minhas roupas ao não conseguir mais olhar para elas ou quando deixarem de servir, minhas futuras filhas ou até eu mesma não precisarei comprar mais roupas daqui há vinte anos, se a criatividade ainda estiver em baixa.

17 comentários:

Carol disse...

Oi Menina, obrigada pela visita. ADorei aqui! Falando em moda, queria convidar todas vcs pra conhecer o site: www.maria100vergonha.blogspot.com . Se vcs gostarem, divulguem! Please! É uma proposta linda e muito sensível de uma pessoa querida que é uma artista! Abraço.

tajan disse...

Aninhaaaaaaa

a moda é complicada mesmo...
mas cada um faz a sua!!!

acho irado pessoas que saibam ter personalidade com estilo e roupas!!!

Saudade de todas voc~es!!!

Apareçam!!!

BEIJOS...

TECO - BALNEÁRIO CAMBORIU/SC

Carol Maria disse...

Lembra que tempos atrás falei das botas por cima da calça, da mulherada tudo parecendo jóqueis mal pagos?! Concorco com cada vírgula, Aninha. 80's não rola, so sorry. 50's sim (principalmente sapatos), 60's talvez (alguma coisa hippie-chic -- precisa ser chic, não pode ser só hippie -- sempre vem a calhar bonitamente), 70's pode ser (os acessórios se revelaram protagonistas, brincos, cintos, sempre há algo a se garimpar) agora 80's, never! Aqueles cabelos saturados de permanente, auelas maquiagem grotescas, acessórios de plástico (como você mesma disse, vinil até no sapato; além de feio deve dar um chulé disgramado!), blusas-lençol combinadas com leggings que nada mais servem que para demarcar toda e qualquer celulite das pernas, argh! modinha medonha. Bom senso galera essa é a moda mais correta. :*cas

Ggel disse...

Ai ANinha, penso amesma coisa, ninguém mais tem imaginação. Hoje as coisas são cópias do que acotneceu ontem, não só nas roupas, mas na música e etc...que falta de criatividade, ninguém mais pens em nada novo?
Falei que vu guardar minhas roupas pra Julia usar daqui uns 20 anos, aposto que estarão na moda.
Beijo

¿Controversy! ® disse...

Hahahahahahahahahahaha
Mas há muito tempo venho observando isso não só na moda, mas em tudo no mundo. Acredito que a criatividade tem um ciclo e em dado momento, volta-se tudo a como era antigamente, só que de uma forma mais sutil. Imagine os novos prédios com design melhores elaborados e com detalhes dignos de um artista, como nas construções antigas?
Viva o presnte, vivenciando o passado. Bem vindo ao passado, Aninha.
¿Beijos!

Lena disse...

Oiii,
Há um bom tempo vejo a moda voltando a épocas passadas....mas com certeza dessa vez a coisa tá ficando feia....eu gosto das músicas dos anos 80 mas a moda dessa época é cruel..rsrsrs....bom pelo menos ainda ninguém falou naquelas ombreiras rídiculas, roupas trapézios...mas uma coisa que ameaça a voltar são as calças cintura alta...ahh ninguém merece....
mas uma coisa que acho que é bom hj em dia é que a moda já não está tão ditadora como já foi...hj em dia ela é mais democrática...e vc não vai passar ridículo se usar uma coisa que não está tão em alta....há coisa legais para todo o tipo de pessoa...e o que é mais legal,a moda é vc quem faz...eu uso o que sinto vontade e o que tem haver comigo....e essa coisa de sair por aí igual a todo mundo não está com nada....tem que ter personalidade...pra mim isso é que está na moda.

e só uma coisinha qto a criatividade e "evolução" na moda a meu ver tem muita coisa pra fazer...esses estilistas estão preguiçosos...rsrsrs

bjos

Sissi disse...

ai a moda... ela me odeia. rs. mas estou gostando dessa modinha retrô! as pessoas estão mais bonitinhas na rua, os sapatos estão mais confortáveis, as cores estão mais alegres. :D
mas o que importa agora é concluir a graduação e desenrolar o projeto de mestrado né?! muita luz ae.:D

Flavia Sereia disse...

Eu nunca me atei a moda, e espero nunca me ater, eu mesmo faço a minha moda, tenho o meu proprio estilo de se vestir, se gosto de uma coisa, não estou nem ai se está na moda ou não, gosto e pronto.

bjs

Esposa Feliz! disse...

Eu sou suspeita para falar da moda. hehehe
Eu gosto dela! Mas ela tb consegue ser péssima as vezes.
hehe

beijos lindona!
Fica com Deus!

Ruby disse...

Pouco se inventa de moda, ela vai e vem, as década são revividas através da moda, os anos 80 estão presentes principalmnete nos scapins coloridos, tomara que não volte as ombreiras nem as mangas bufantes, eram horríveis, hj eu percebo pelas fotos.

Renata disse...

E eu que sempre achei fusôs ridículos para todo e qualquer tipo de corpo, agora ando doida por um sapato vermelho tipo vinil...

Marcia disse...

Oi Aninha,
Pois eu tenho a mesma sensação: se eu tivesse guardado toda aquela roupa (que eu enjoei de tanto usar) e ainda tivesse o corpitcho de alguns anos, não iria gastar uma nota prá ficar "in".
Mas infelizmente... tem uma moda bem feinha vindo por aí.
Bjks com carinho,

Vivien disse...

nem me fale em calça de cintura alta, ô coisa horrorosa!!!
obrigada pela visita, Aninha!
xêro p ti!

Eduardo P.L. disse...

Aninha, que blog repleto de meninas, sete, um bom número.Seu texto sobre moda também tem tudo haver com suas visitas, meninas, ou moças!Parabéns!
Agradeço sua visita e comentário no Chapa. Volte sempre.

Abçs

Mila disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mila disse...

Oi Ana!!!
Ops... cometi um engano no comentario anterior... vi teu coment no blog do Marcelo e vim conhecer o teu espaço.. e como é bacana isso aqui!!! Muito diversificado!!! Como se fossem varios blogs em um, muito maneiro mesmo!!! Estou adicionando la no meu mundo e se quiser, pode me visitar!!!!
Beijos Mila

Ana disse...

Ah, Ana, eu adoro moda. Mas não posso acompanhar. Infelizmente!